Pela 5ª vez o mais influente da web em Goiás. Confira nossos prêmios.

Anapaula de Castro Meirelles

Bad Hair Day

Dia do cabelo ruim | 21.12.11 - 17:28


Tenho um marido bem bacana, um homem típico daqueles que esquece datas de comemoração, esquece de elogiar e nunca, absolutamente nunca, sabe responder à pergunta: “Você notou algo diferente em mim?”
 

Pois bem, ele sempre se defende que não é descaso, mas uma patologia chamada falta de memória. Só que quando o assunto é o cabelo, o calcanhar de Aquiles de nós mulheres, o fofo sempre repara e nunca deixa de comentar. Um verdadeiro pesadelo!
Quem nunca teve o dia do cabelo ruim? O meu dia fica pior ainda com um marido que a todo o momento tenta mostrar naturalidade, mas não consegue tirar os olhos da juba desorganizada.
 

Acordar, ir ao banheiro, olhar no espelho, e se assustar. É isso que acontece quando o cabelo acorda de mal com a vida. Ou é a franja que tá de pé, o alto da cabeça embolado, as pontas espigadas, enfim o cabelo todo fuá!
 

Toda mulher sabe o que é acordar e notar que o cabelo simplesmente não está num dia bom. Em inglês, há a famosa definição: bad hair day (dia do cabelo ruim). Em qualquer idioma, uma coisa é certa: o mau humor impera e a primeira impressão é de que nada poderá resolver o problema. Se à noite for preciso enfrentar uma festa, então, a situação se agrava e o look estará totalmente comprometido.
 

O cabelo para as mulheres é como se fosse um escudo e uma arma, ao mesmo tempo. Se o cabelo está bom, seu dia está ótimo. Um péssimo dia vem sempre acompanhado de um péssimo momento do cabelo.
 

“Hoje o dia foi péssimo, a começar pelo meu cabelo”. Esse desabafo me soa como uma daquelas máximas já usadas por várias mulheres ao longo da vida, e me faz pensar no poder dos cabelos.  Sem dúvida, o cabelo é um poderoso item a influenciar o humor feminino.
Coitados dos amigos, namorados e maridos, têm de aceitar ficar do ladinho, com aquele ar de estranhamento e suportando o péssimo (porém justificado) mau humor.
 

O fato é que não acordamos divas todos os dias! Mas existem aqueles dias especiais em que tudo tende ao chão só porque acordamos com o cabelo virado do avesso. Uma verdadeira Medusa! É literalmente acordamos naquele dia fatídico!
 

E não adianta. Tudo que a gente faz parece piorar ainda mais os fios para o nosso completo desespero. Passa um creme aqui, um oleozinho ali, uma pomada acolá e necas. Levanta, abaixa e suspira. O que fazer?
 

Se  a questão urgente é se livrar da cara de Medusa ou fazer a juba do Rei Leão desaparecer, existem truques e algumas dicas que as mulheres sempre usam para dar uma melhorada no desastre capilar e que ajudam a evitar o pânico. Lenços, grampos, tiaras, laços, chapéus são ótimos aliados para esses dias! Uma dica que adoro é o turbante! Você sai do “bad hair Day” direto para elegância!
 

Só que a pressa e o desespero são inimigos da perfeição! É preciso ter calma e muita criatividade nestes dias. Ah! Deve-se ter também senso de autopreservação para não raspar as madeixas numa espécie de suicídio capilar.
 

Para os dias em que nem o milagre da Santa Criatividade ajuda e a união cara de ressaca + cabélon revuelto não deixa alternativas, a solução é simples, objetiva, direta e sincera: CUBRA-SE!
 

Esta atitude certamente torna a vida mais fácil em dias difíceis e ainda combina com tudo, principalmente pra quem está com aquela carinha de ontem.
De qualquer maneira,  o mais importante nesse momento de falso problema é manter o humor.
Amanhã você acorda e já será outro dia!
Em tempo, para o marido fofo, em dia de bad hair day, digo que é tendência!


Anapaula de Castro Meirelles é publicitária


Comentários

Clique aqui para comentar
Nome: E-mail: Mensagem:
  • 10.01.2012 09:01 Anapaula de Castro Meirelles

    Queridos, obrigada pelas palavras de todos vocês! Ela estão exageradas! Fiz um texto de maneira bem despretenciosa e que bom que agradou! Um agradecimento especial a amiga Alessandra Câmara dona de um jornalismo comprometido e ético! Dica para o Alaor: Bobo, faz de conta que vc acredita que é tendência! Sua mulher vai adorar! Jaqueline nestes dias chuvosos o bad hair day tá constante. Meu cabelo não pode ver uma nuvem escura que já mostra toda sua personalidade! Eu sofro disso, mas me divirto também! Um beijo, fofos!

  • 09.01.2012 05:40 Carlos

    O Jornal esta bem interessante e com muita variedade. As noticias estao quentinhas! Minha mulher gasta muito no salao. Anotei as dicas e vou repassa-las. Me diverti lendo o texto e ja vivi muitos destes momentos la em casa.

  • 09.01.2012 09:16 Fernanda

    Esse é o drama de toda mulher. Gostei do texto e estou gostando muito do Jornal A Redação.

  • 29.12.2011 07:28 Margareth

    Dei muitas gargalhadas!!!

  • 29.12.2011 10:02 Jaqueline Ferreira

    Não consigo imaginar a Ana Paula em dia de bad hair day. Ela tá sempre impecável. Até de cabelo amarrado ela fica linda e chic. Muito bom o texto e a sua cara realmente. Autêntico como você é.

  • 27.12.2011 06:53 Fernanda Moreira

    Ainda morro disso! Me identifiquei demais!

  • 26.12.2011 11:43 Lorena

    Divertido o texto e a mais pura realidade

  • 26.12.2011 07:43 Alaor

    Não caio mais nessa de tendência !

  • 26.12.2011 01:13

    tenho uma sugestão: quebre o espelho ...foi a dica d Valéria Vasquez p Janete "a estranha". Fofis, qdo tiver só o cabelo rebelde ajoelhe e agradeça, piór sou eu q tô no bad face...body..etc day. bjoooo e adorei o texto. Nara

  • 22.12.2011 07:55 Alessandra Câmara

    Anapaula, adorei! Uma delícia de texto. Parabéns. Aliás, nesse período chuvoso o meu cabelo vive um eterno bad hair day.

  • 22.12.2011 02:22 Luiz Cláudio Faleiro

    Ana Paula, parabéns pelo texto ! Não sabia que vc escrevia tão bem .... Ficou a sua cara Tá de parabéns .... Beijos

Envie sua sugestão de pauta, foto e vídeo
62 9.9850 - 6351