Pela 5ª vez o mais influente da web em Goiás. Confira nossos prêmios.

Carlos André Pereira Nunes

#EsseCuspeNaoEhMeu

| 26.04.16 - 18:58
Certamente você já deve ter ouvido falar sobre a teoria da modernidade líquida!
 
Caso não, dou-lhe aqui uma pequena pincelada: A modernidade líquida (época em que SOBREvivemos) é o conjunto de relações e de instituições que se impõem e que dão base a esse atual momento de fluidez, de volatilidade e insegurança! Essa época foi percebida e teorizada pelo sociólogo polonês Zygmunt Bauman (um dos intelectuais vivos mais importantes da atualidade). 
 
Para Bauman, todas as relações são líquidas: amor, trabalho, medo, consumo e arte. Tudo! Não temos quaisquer certezas. A lógica das referências éticas e a de comportamentos moralmente socializadores não existe mais. 
 
Tudo passou a ser possível: não há qualquer limite para qualquer coisa! O ser humano - antes sólido - liquefez-se!
 
Pois é! O problema é que essa história de liquidez dos antigos e sólidos valores de civilidade (aqueles que – segundo Hobbes – mantêm a coesão social e que, portanto, fazem com que nós não nos matemos) foram pulverizados: liquefeitos!
 
É isso aí: a liquidez hoje é líquida mesmo! Literalmente! E ela vem em forma de cuspe!
 
A coisa agora funciona assim: se você falar algo que eu não goste, prepare a sua cara, porque o cuspe virá aí (isso quando não vem um rude guspe).
 
Ora! Segundo o grande José Luiz Fiorin, linguista brasileiro de nomeada, a vida em sociedade trouxe para os seres humanos um aprendizado extremamente importante: não se poderiam resolver todas as questões pela força: era preciso agora usar a palavra para convencer!
 
É! Mas o pior é que -  no mundo emporcalhado de alguns Josés e de alguns Jeans – a palavra e a força são coisa do passado. A moda agora é uma cusparada!
 
Então, vai meu sólido e higiênico recado a eles: #EsseCuspeNaoEhMEU
 


*Carlos André Pereira Nunes é professor de Língua Portuguesa e jurista
 

Comentários

Clique aqui para comentar
Nome: E-mail: Mensagem:
Envie sua sugestão de pauta, foto e vídeo
62 9.9850 - 6351