Pela 5ª vez o mais influente da web em Goiás. Confira nossos prêmios.

Sobre o Colunista

Pablo Kossa
Pablo Kossa

Jornalista, produtor cultural e mestre em Comunicação pela UFG / pablokossa@bol.com.br

O Blog

As tentações que me cercam

Redes sociais tiram você do caminho do bem | 26.06.14 - 11:49

Eu juro que eu tento. Meu esforço é descomunal para ser um daqueles cidadãos exemplares, de bigode aparado e que inspiram confiança na vizinhança. Um cara ordeiro, que cuida do jardim, passeia com o cachorro no final do dia e que tem como único vício o café coado pela esposa.

Mas não tem jeito. Eu tenho um dom inacreditável para fazer tudo errado. Quem nasceu para ser Homer Simpson nunca será Ned Flanders. E eu já tenho idade suficiente para saber disso e não mais me iludir. O problema é a angústia que vivo, o eterno conflito entre fazer o que me dá prazer e o que a prudência recomenda. Aquele eterno debate que os desenhos animados caracterizam como o diabinho e o anjinho, cada um em uma orelha lhe aconselhando. Os mais estudiosos sabem que se trata do embate entre superego e id mediado pelo ego. Dá tudo na mesma. O lance é essa divisão que internamente lhe consome.

As redes sociais são um antro de perdição nesse sentido. Você quer ser responsável, pagar as contas em dia, nunca cair no limite do cheque especial. Você quer comer de forma mais saudável, beber menos e fazer sua atividade física diária. Mas o inferno está ali para lhe tentar. E eu nunca fui um cara de dizer muito não para a tentação.

Você sabe que precisa trocar de geladeira, pois a qualquer momento a sua vai entregar os pontos. Mas os caras ficam postando promoção de passagem aérea para os destinos mais legais do mundo no Instagram. Aí você encontra uma dessas ofertas que custam metade da geladeira e não se controla. Lá se vai a geladeira em troca de uma viagem que você nem sabe como vai negociar as folgas no trabalho. Tudo bem, uma operadora de cartão de crédito já me ensinou que a vida é agora.

Você sabe que está bebendo demais em época de Copa do Mundo. Você sabe que precisa cultivar hábitos mais saudáveis e dar um gás no trabalho que está acumulando do computador. Mas os caras vão e lhe mandam pelo Whatsapp a foto da garrafa de vinho e avisam que estão assistindo o grande clássico entre Japão e Grécia. Você que não é de negar fogo e tem uma queda particular por jogo ruim, vai para a casa do vizinho entornar vinho, conversar fiado e ver partida de futebol vagabunda. Afinal, outra operadora também me disse que isso não tem preço.

Toda vez que vejo aqueles economistas engravatados na televisão me aconselhando a economizar, evitar gastos por impulso e fazer uma poupança, fico me perguntando se eles são humanos mesmo. Acho que são apenas robôs que têm como intuito maior jogar na sua cara o quanto você é um desprezível. Toda vez que vem um desses geração saúde me dizer para pegar leve na gordura e no álcool, fico pensando que a pessoa só pode ser infeliz. Não é possível estar bem consigo mesmo fazendo o que ela recomenda.

Sei que eles estão perdendo tempo comigo. Pau que nasce torto nunca se endireita. Mas eles conseguem colocar uma pulga atrás da orelha. O problema é que, vira-lata que sou, dou uma bela coçada, mando a pulga para longe e mando descer outra garrafa. Na hora da conta, passo no cartão de crédito. Por que isso não tem preço e a vida é agora.


Comentários

Clique aqui para comentar
Nome: E-mail: Mensagem:
  • 27.06.2014 19:35 Otonyel Avila Gonçalves

    Paga suas contas?! tem ficha corrida?! É totalmente dependente de alguem?! Se nao entao vai la brother entorna todas, gaste tudo nao pense em nada.. A vida é sua o dinheiro tbm... melhor ser feliz agora do que talvez depois... nao se importe se vai ficar velho carcumido e doente... use e abuse agora!!!A vida e curta demais pra ter duvidas.. nao se preocupe com o reflexo do que vc faz nas outras pessoas.... Afinal se vc adoecer e morrer ainda bem jovem provavelmente sua familia nao sentira nada... se suas contas estourarem provavelmente seus dependentes nao sentirao nenhum reflexo.. Rs...brincadeira cara so queria te deixar com um pouco mais de peso na consciência, eu acho que vc ja sabe que fazer... esse seu post foi so uma fafarranice sua!!

  • 27.06.2014 12:09 Catia Carioca

    acho que e bem por ai mesmo estou com depressao nao fui trabalhar hj nem fui ao medico pegar um atestado, trabalho de mais e esqueço de fazer algo pra me dar prazer. ai entro em depressao, o problema da depressao e chorar atoa, estou conversando com meu filho de dez anos, rindo e chorando....

  • 27.06.2014 11:33 Igor Chaves Arantes

    Caraca Pablo... se você quiser abrir uma igreja onde essa seja a ideologia de vida dos fiéis e você o pastor, me convida que eu pago o dízimo em picanha e cerveja da boa kkkkk! Como eu queria ter escrito isso, mesma coisa de estar me olhando no espelho essa leitura rsrs... mas sei muito bem que externar pensamentos, sentimentos e impressões sobre a vida de forma tão clara e brilhante são pra poucos... por isso eu admiro tanto os poucos. Parabéns cara, gostei demais da conta!

  • 26.06.2014 20:44 Tuca

    Sinto o mesmo. Abç

  • 26.06.2014 20:19 Shirlene Vieira Barbosa

    Escreve fácil demais esse meu amigo!!!! Adoro seus escritos, me identifico! Parabéns por esta sua facilidade na articulação das palavras!! É um belo dom, cultive-0!

Sobre o Colunista

Pablo Kossa
Pablo Kossa

Jornalista, produtor cultural e mestre em Comunicação pela UFG / pablokossa@bol.com.br

Envie sua sugestão de pauta, foto e vídeo
62 9.9850 - 6351