Pela 5ª vez o mais influente da web em Goiás. Confira nossos prêmios.

Sobre o Colunista

Pablo Kossa
Pablo Kossa

Jornalista, produtor cultural e mestre em Comunicação pela UFG / pablokossa@bol.com.br

O Blog

Vamos acabar com o zoológico?

Não há razões para continuarmos com parque | 08.08.14 - 09:40

Preciso dizer que a notícia me surpreendeu. Até que enfim algo digno de elogio sai da Câmara Municipal de Goiânia - ambiente prodígio em nos presentear com o grotesco, lembrando das raras e honrosas exceções que deixam a mediocridade geral ainda mais visível. Admirável o projeto do vereador Zander Fábio (PSL) de extinção do Zoológico de Goiânia - parabéns por levantar uma bola de vanguarda em nossa cidade.

É inadmissível que no mundo de hoje seja considerado divertido ver animais enjaulados. Não tenho dúvidas que, no futuro, a existência dos zoológicos serão analisadas com o mesmo olhar de horror que temos hoje quando pensamos nas lutas mortais no Coliseu de Roma, ou das execuções públicas em fogueiras ou outro métodos para lá de cruéis dos opositores da Igreja Católica na Idade Média.

O obscurantismo de permitirmos que animais sofridos, amargurados e longe de seu habitat sirvam de entretenimento é latente. Não há justificativa plausível para cometermos tamanha atrocidade.

O pior documentário estilo mundo selvagem feito pela Discovery é mais instrutivo que o melhor zoológico do mundo. 

Zander concedeu entrevista ao jornal Diário da Manhã onde faz a defesa de seu projeto. “Hoje, é inadmissível levar uma criança para ver animais presos de forma arcaica e que, nitidamente, estão tristes.” Concordo com cada palavra do vereador.

Faço essa defesa não é de hoje. Acho que já escrevi sobre isso em meu antigo blog, mas ele não está mais no ar e sou muito desorganizado com meus arquivos, por isso não foi possível confirmar. Mas achei esse tuíte de 2009 onde eu divulgo uma comunidade que encampava essa causa. 

A rádio onde trabalho há mais de 10 anos, a Interativa FM, também levantou essa bandeira no auge da crise da morte de animais do Zoológico de Goiânia. 

Se a existência de um zoológico é absurda em qualquer lugar do mundo, em nossa cidade a coisa é muito, mas muito pior mesmo. O ponto onde ele está localizado é completamente inapropriado. É possível um animal ficar tranquilo ao lado do Eixo Anhanguera? 

Naquele lugar, os bichos se estressam com o ruído 24 horas da região cada vez mais adensada e os moradores da Alameda das Rosas e imediações se estressam com a presença, o cheiro e os urubus que vivem ao redor do parque. É o tipo de relação que é pior para todos os lados. Só mesmo a miopia para não permitir enxergar o óbvio.

Quando me perguntam o que fazer com o atual plantel de animais, a resposta é simples: qualquer coisa. A hipótese que passar pela sua cabeça é melhor do que o encarceramento a que eles são atualmente submetidos. A minha sugestão é readaptar ao ambiente natural para futura soltura aqueles que essa alternativa é possível, e a doação para outros zoológicos do Brasil para aqueles em que essa não for a solução cabível. Mas deixo para os técnicos da área as respostas conclusivas, é evidente.

Não tenho dúvidas que Goiânia seria notícia nacional adotando a extinção. O caso do menino paranaense foi só mais uma das evidentes falhas que cometemos ao manter animais presos dessa forma.

A bola está quicando na área cruzada pelo vereador Zander. Agora é hora da Câmara e da Prefeitura empurrá-la para dentro. Certeza que será um golaço.


Comentários

Clique aqui para comentar
Nome: E-mail: Mensagem:
  • 11.08.2014 09:14 CRMV-GO

    O Conselho Regional de Medicina Veterinária de Goiás (CRMV-GO) vem a publico posicionar-se contrariamente ao fechamento do Parque Zoológico de Goiânia, como propõe o vereador e também empresário do ramo da construção civil, Zander Fábio. O projeto do vereador foi apresentado no dia 5 de agosto e tramita na Câmara de Vereadores. As entidades representativas dos médicos veterinários não foram consultadas para prestar esclarecimentos sobre as funções socioeducativas e de preservação dos Zoológicos, locais mais visitados no País, segundo a Sociedade de Zoológicos do Brasil. Somente no mês de julho deste ano, o Zôo de Goiânia recebeu 82 mil pessoas. Não houve sequer uma consulta pública para discutir o assunto. O CRMV-GO lamenta que interesses políticos e financeiros estejam acima do bem-estar animal, já que parte do plantel dos Zoológicos é formada por espécies exóticas, ou seja, não são nativas da fauna brasileira e jamais poderiam ser reintegradas à natureza no nosso País. A reintegração de animais na fauna é regida pela Instrução Normativa 179 do IBAMA. Os animais são da União e não do município. Não existem animais retirados da natureza e remanejados para Zoológicos pois esta prática constitui crime ambiental. As espécies são destinadas pelo IBAMA para cativeiro após o trabalho de recuperação prestado pelos médicos veterinários. São animais atropelados ou comprometidos de alguma forma o que inviabilizaria a sobrevivência dos bichos na selva, mesmo após a recuperação. O plantel também é formado por meio de permuta com outros zoológicos e criadouros do Brasil. O Zoológico de Goiânia abriga 720 animais. Os Zoológicos ajudam a preservar animais em perigo de extinção na selva. Há décadas deixaram de ser uma simples exposição de animais e viraram centros de preservação, pesquisa, educação ambiental, além de ferramenta de recreação. O objetivo mais importante dos jardins zoológicos modernos é conservar a vida selvagem e a biodiversidade internacional. As pesquisas conduzidas nos zoológicos contribuem para reter variações genéticas, principalmente em espécies com risco de extinção. Os principais estudos em zoológicos incluem os programas de inseminação artificial e transferência de embriões. Portanto, o CRMV-GO, através da Comissão de Bem-estar Animal e Saúde Pública, entende que existem distorções no projeto do vereador que devem ser esclarecidas sob o risco de prejudicar mais de 700 animais e também a população de Goiânia, já que o espaço é um dos pontos mais visitados principalmente pela população de baixa renda. Méd. Vet. Benedito Dias de Oliveira Filho Presidente do CRMV-GO

  • 09.08.2014 15:46 Fabricio de Oliveira Pereira

    E o que fica nos bastidores do zoolgico? O trabalho importante de conservação, reprodução e tentativa de introdução de especies ameaçadas de extinção? A manutenção de animais atropelados ou feridos por ação humana que não podem mais retornar pra natureza. Se você está contra o zoo, deve conhecer bem o assunto, e principalmente a grande parte interna, fechada á visitação publica, onde fica os animais destinados a reproduçao, treinamento pra reintroduçao, manutençao de especies raras ameaçadas de extinçao. Zoologicos, sao um mal nescessario, visto a ação humana que caça, destrói habitats por conta da agropecuaria, agricultura e exploração imobiliaria, (morar em goiania e comprar lote em cesarina ocmo dito ontem por você na radio tambem é forma de antecipar esse tipo de ação) estão acabando com os animais em vida selvagem. Se é contra a manutenção de animais em cativeio é contra todo e qualquer tipo de criatorio de animais, ate mesmo aquelas que se dedicam a salvar especies da extinção? Hapria, ararinha azul, arara azul de lear e inumeras especies Brasileiras em risco de extinção ou estintas na natureza são mantidas e reproduzidas com o intuito de repovoar (quando há o ambiente natural para tal feito)em .... acredite ou não zoologicos e centros de reprodução de vida selvagem no mundo todo. Fora os estudos que sempre são realizados em biologia, comportamento e saude animal nestes locais. No quesito local, ambientação do zoo de goiania, eu nao tenho capacidade tecnica pra tal paecer, mas na minha opinião creio que você esteja correto, mas antes de eliminar os zoos, que tambem recebem animais selvagens atropelados, seia melhor fazer uma lei , inicialmente em Goiania, pa fazer em volta de todos os parques e reservas ecologicas que são cruzadas por rodovias, como a BR 153 no parque ecologico de Goiânia, um cercamento, e fazer viadutos tipo do da praça do ratinho, o carro passa por baixo e a parte de cima pra passagem de animais. Isso sim, salvaria muitas e muitas vidas de animais que são atropelados todos os dias, e não superlotaria o Cetas do Ibama e o Zoo de goiania.

  • 09.08.2014 12:10 Adnaldo Lemes

    Ta na hora da população ficar mais madura, zoológico deveria ser proibido. E sugiro que no local do zoo de Goiânia uma grande area de recreação cultural e tecnológica.

  • 08.08.2014 23:53 Leila Maria Novais de Queiroz

    Concordo em gênero, número e grau. Parabéns pelo artigo.

  • 08.08.2014 23:42 Glaycon neto

    Concordo meu caro , e imagine o horto um mega parque com pista de bike ao seu derredor, um teleférico , e um grande museu com os mesmos bichos e um projeto de shows igual ao bem Brasil a anos na tv cultura ! Sonhar não custa nada ...

  • 08.08.2014 10:16 Vivian

    Excelente texto e parabens vereador Zander. Temos que acabar realmente com essa "diversão" medíocre. Os animais não merecem sofrer dessa forma.

Sobre o Colunista

Pablo Kossa
Pablo Kossa

Jornalista, produtor cultural e mestre em Comunicação pela UFG / pablokossa@bol.com.br

Envie sua sugestão de pauta, foto e vídeo
62 9.9850 - 6351