Atlético-GO 2 x 1 Ponte Preta  05.04.2012 21h39
De virada, o Atlético abre vantagem no confronto contra Macaca

Resultado contou com mexida de Adilson Batista


A Redação
atualizado às 00h05

De virada, com gols de Gilson e William, o Atlético abriu vantagem no confronto contra a Ponte Preta, no primeiro embate pela segunda fase da Copa do Brasil, vencendo por 2 a 1. A partida sacramentou com estilo a estreia do novo técnico Adilson Batista, que chegou ao Dragão há apenas dois dias e de início não assumiria a equipe, deixando a função ao interino Jairo Araújo.

No entanto, Adilson assumiu o batente e promoveu mudanças precisas na segunda etapa, que provocaram a virada. William, que veio do banco aos 23 minutos do segundo tempo, marcou de cabeça o gol da vitória, que alivia a situação rubronegra para o jogo de volta, dia 18/4, em Campinas, onde o Atlético joga pela empate.  A equipe que avançar às oitavas-de-final, encara o vencedor do confronto entre São Paulo e Bahia de Feira de Santana. 

Em um jogo marcado pela velocidade nos ataques, o Dragão ainda penou diante falta de eficiência na conclusão, sobretudo no primeiro tempo. Dominou o rival, teve mais posse de bola e poderia ter construído uma vantagem mais gorda para o segundo embate. Pelo contrário, suou para chegar à virada. Logo aos 3 minutos, criou a primeira chance, com Marcão, lançado pela direita. O atacante aplicou corte seco no zagueiro Ferrón, mas na conclusão com a canhota, explodiu no marcador, que se recuperou com carrinho.

O Atlético parecia que faria uma bela exibição, mas logo aos 6 minutos tomou golpe em vacilo da defesa. Em cobrança de falta para a área de Renato Cajá, a zaga ficou parada e Roger sobrou livre na segunda trave, cara-a-cara com Márcio, finalizando de primeira, com os pés - 1 a 0 Ponte. O primeiro tempo que se seguiu mostrou-se amplamente dominado pelo Atlético, que não sabia aproveitar o maior volume de jogo. Na melhor chance, aos 26 minutos, Marcão recebeu sozinho, debaixo do gol, cruzamento rasteiro de Bida, e mesmo sem o goleiro conseguiu perde o lance. A bola pareceu espirrar no pé do atacante e saiu pela linha de fundo. 

No intervalo, Adilson Batisto tornou o time mais efetivo. Felipe foi a campo na vaga de Pituca, e o nervosismo foi contido com o empate, aos 16, em belo cabeceio de Gilson, subindo alto na área, depois de escanteio cobrado por Rafael Cruz. William, que entrou na vaga de Marcão aos 13 minutos, mostrou que ainda tem faro de gol e anotou a virada no Serra. Aos 23 minutos, também cabeceou certeiro, em cruzamento de Felipe da esquerda. Cabia mais, mas a pontaria rubronegra não ajudou nos minutos que se seguiram.


Ficha técnica

2 ATLÉTICO: Márcio; Rafael Cruz, Gilson, Paulo Henrique e Ernandes; Pituca(Felipe), Marino, Fernando Bob e Bida; Diogo Campos e Marcão (William) . Técnico: Adilson Batista

1 PONTE PRETA: Lauro; Guilherme, Ferrón, Diego Sacoman e Uendel; Agenor, William Magrão, João Paulo e Renato Cajá (Gerson); Enrico (Caio) e Roger. Técnico: Gilson Kleina

Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO). Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (PA). Assistentes: Márcio Correia Dias (PA) e Paulo César Silva Faria (MT). Gols: Roger, aos 6 minutos do primeiro tempo; Gilson, aos 16, e William, aos 23 do segundo tempo.


Melhores lances da partida

48 min - Fim de jogo no Serra Dourada. Na estreia do técnico Adilson Batista, o Atlético abre vantagem no confronto com a Ponte Preta, que terá jogo de volta dia 18/4, em Campinas.

31 min - Substituição no Atlético. Diogo Campos, com dores no joelho, deixa o campo para a entrada de Joílson.

23 min - Gol do Atético! William, de cabeça, vira a partida para o Dragão, depois de cruzamento de Felipe - 2 a 1 Atlético.

16 min - Gol do Atlético! Depois de escanteio cobrado por Rafael Cruz, Gilson subiu alto dentro da área para cabecear para o chão, empatando a partida - 1 a 1

13 min - Nova alteração no Atlético. Sai Marcão e entra atacante William.

1 min - Atlético e Ponte Preta voltam a campo. No Dragão, a primeira mudança do técnico Adilson Batista: sai Pituca para a entrada do atacante Felipe.

Segundo tempo
-------------------------
46 min - Fim do primeiro tempo no Serra Dourada. Mesmo com maior posse de bola, o Atlético não consegue ameaçar o gol rival. Na melhor chance, aos 26 minutos, o atacante Marcão errou o chute sozinho, debaixo do gol.

26 min - Marcão desperdiça chance incrível, sozinho, debaixo do gol. Depois de jogada de Bida pela linha de fundo e cruzamento forte e rasteiro, o atacante rubronegro se viu sozinho, de frente para o gol, mas a bola espirrou e saiu foi para fora.

6 min - Gol da Ponte Preta! Roger marca para a Macaca depois de vacilo da zaga do Atlético. Em cobrança de falta de Renato Cajá para a área, a zaga ficou parada e não acompanhou o atacante na segunda trave, que finalizou com os pés, cara-a-cara com Márcio.

3 min - Primeiro lance de perigo no jogo. Marcão é lançado pela direita, corta o zagueiro Ferrón, mas o defensor se recupera e desvia o chute de atacante com carrinho.

1 min – Rola a bola no Serra Dourada, pela segunda rodada da Copa do Brasil. O Dragão recebe a Ponte Preta, em jogo de estreia do técnico Adilson Batista, recém chegado à toca do Dragão.

Primeiro tempo

Comente


Comentários


Publicidade

Publicidade