Pela 5ª vez o mais influente da web em Goiás. Confira nossos prêmios.

Envie sua sugestão de pauta, foto e vídeo
62 9.9850 - 6351

Brasileirão

Corinthians se recupera de tropeços e derrota o Fluminense por 1 a 0 no Maracanã

Tite acompanhou a partida das tribunas | 23.07.17 - 21:11 Corinthians se recupera de tropeços e derrota o Fluminense por 1 a 0 no Maracanã (Foto: reprodução/Estadão)Rio de Janeiro - Sob os olhares de Tite, que acompanhou neste domingo a partida das tribunas do estádio do Maracanã ao lado do filho e auxiliar Matheus Bacchi, o Corinthians do técnico Fábio Carille jogou diante do Fluminense como nos melhores momentos do período que era comandado pelo atual treinador da seleção brasileira: foi extremamente seguro na defesa e preciso no ataque. Assim, nem precisou jogar muito para garantir a vitória por 1 a 0, no Rio, pela 16.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado positivo, o Corinthians chegou aos 40 pontos e abriu nove de vantagem para o segundo colocado, o Grêmio, que tem um jogo a menos - enfrenta o São Paulo, no estádio do Morumbi, na capital paulista, nesta segunda-feira. O time alcançou a marca de 30 jogos de invencibilidade na temporada. No Nacional, igualou o recorde de 16 rodadas sem derrota do Flamengo de 2011. A vitória também foi importante para o moral do time.

A equipe vinha de dois empates (contra Atlético Paranaense, em casa, e Avaí, fora), parecia ter perdido o fôlego e, para piorar, ficará por pelo menos um mês sem o meia Jadson e o zagueiro Pablo, lesionados. O primeiro tempo foi morno, com raríssimas chances de gol - todas desperdiçadas pelos atacantes. O Corinthians apostava nas jogadas pela esquerda com Guilherme Arana e Romero, mas insistia exageradamente nas bolas aéreas.

No Fluminense também sobrava vontade, mas faltava inspiração. A equipe parecia mais preocupada em não oferecer espaço para o contra-ataque corintiano do que em pressionar o adversário. O Corinthians ainda teve um pênalti não marcado aos 33 minutos. Após cobrança de escanteio de Giovanni Augusto, Jô foi puxado pela camisa por Léo, mas o árbitro ignorou o lance. A história do jogo mudou aos quatro minutos do segundo tempo, quando o Corinthians abriu o placar.

Em nova cobrança de escanteio de Giovanni Augusto, o zagueiro paraguaio Balbuena subiu mais alto do que Henrique e cabeceou firme para o fundo do gol, sem defesa para o goleiro Júlio César. Com o Corinthians em vantagem, o Fluminense se viu obrigado a sair mais para o ataque e, assim, ofereceu mais espaço para os contragolpes do adversário. A partida ficou mais aberta, mas os atacantes dos dois times pecaram nas finalizações. Melhor para o líder do Brasileirão, que soube controlar a posse de bola até o apito final.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 0 x 1 CORINTHIANS

FLUMINENSE - Júlio César; Renato (Mateus Norton), Frazan, Henrique e Léo; Orejuela, Marlon Freitas (Matheus Alessandro) e Wendel; Gustavo Scarpa, Richarlison e Henrique Dourado (Peu). Técnico: Abel Braga.

CORINTHIANS - Cássio; Fagner, Pedro Henrique, Balbuena e Guilherme Arana; Gabriel, Maycon, Giovanni Augusto (Pedrinho), Rodriguinho (Camacho) e Romero (Clayson); Jô. Técnico: Fábio Carille.

GOL - Balbuena, aos 4 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Léo e Frazan (Fluminense); Rodriguinho e Balbuena (Corinthians).

ÁRBITRO - Rafael Traci (Fifa/PR). RENDA - R$ 654.360,00.

PÚBLICO - 21.105 pagantes.

LOCAL - Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ).

(Agência Estado)

Comentários

Clique aqui para comentar
Nome: E-mail: Mensagem:
Envie sua sugestão de pauta, foto e vídeo
62 9.9850 - 6351