Pela 5ª vez o mais influente da web em Goiás. Confira nossos prêmios.

Envie sua sugestão de pauta, foto e vídeo
62 9.9850 - 6351

Montadora

Chinesa Chery anuncia centro de pesquisas no Brasil

Centro dará suporte aos novos modelos da marca | 12.12.13 - 19:48
São Paulo - A Chery anunciou nesta quinta-feira, 12, que irá construir no Brasil um centro de pesquisa e desenvolvimento para dar suporte aos futuros veículos nacionais da montadora, bem como adaptá-los ao gosto dos países da América do Sul. Os investimentos ficarão em torno de "dezenas de milhões de dólares", segundo o CEO da Chery Brasil, Luis Curi, e, portanto, serão mais modestos que os US$ 450 milhões aportados pela empresa na fábrica de carros a ser inaugurada em julho de 2014, e os US$ 138 milhões previstos para a fábrica de motores da Acteco, ambas em Jacareí (SP).

"Confirmamos com a matriz da China que o centro de pesquisas será aqui apenas na semana passada e agora estou em contato com alguns polos de tecnologia para começar a fazer as contas dos investimentos", disse Curi. "Além de fazer as pesquisas desenvolvimento de veículos para a América do Sul, o centro ajudará na qualidade dos veículos e ainda a atingirmos o porcentual das compras locais exigido pelo Inovar-Auto", completou. Segundo o executivo, "a boa notícia" suplanta o ano turbulento enfrentado pela Chery no Brasil.

Curi lembrou que 2013 foi marcado pela transição entre os antigos representantes das montadora e as assunção das operações pela subsidiária da matriz chinesa na distribuição dos veículos. Com isso, as vendas, que chegaram a 27 mil unidades em 2011 e recuaram para 15 mil em 2012, fecharão este ano em apenas 9 mil veículos. "Com os problemas jurídicos, perdemos meio ano de vendas e reduzimos de 100 para 55 o número de concessionários", disse Curi.

Com o início das vendas dos veículos nacionais no segundo semestre de 2013 e com a nomeação de novos concessionários, a Chery espera vender 30 mil veículos no Brasil no próximo ano, segundo ele. "Teremos que iniciar as operações com os preços abaixo da concorrência e com veículos completos."

Em 2015 a Chery deve buscar a produção de 100 mil veículos por ano na unidade em Jacareí e chegar a 150 mil veículos entre 2016 e 2017. Além do Brasil, os principais mercados para os modelos da montadora na América do Sul, segundo Curi, são a Venezuela, onde a marca detém 7% do mercado, Chile e Argentina. (Agência Estado)

Comentários

Clique aqui para comentar
Nome: E-mail: Mensagem:
Envie sua sugestão de pauta, foto e vídeo
62 9.9850 - 6351