Pela 5ª vez o mais influente da web em Goiás. Confira nossos prêmios.

Envie sua sugestão de pauta, foto e vídeo
62 9.9850 - 6351

2008 DKR16

Peugeot revela modelo de corrida mais largo, longo e potente

Carro apresenta musculatura mais desenvolvida | 29.09.15 - 19:01 Peugeot revela modelo de corrida mais largo, longo e potente (Foto: Divulgação)
A Redação
 
São Paulo - Pensando na próxima etapa do Rally Dakar, em 2016, a Peugeot revelou o 2008 DKR16. O modelo de corrida está mais largo, longo e potente. Os engenheiros permaneceram fiéis ao conceito de duas rodas motrizes. 
 
O Peugeot 2008 DKR16 adquiriu uma forma muito diferente. Com uma distância entre os eixos maior, o modelo apresenta “musculatura” mais desenvolvida. Ainda que pequenos, os balanços dianteiro e traseiro foram mais reduzidos para melhorar a capacidade do veículo de enfrentar dunas, trilhas rochosas e riachos, no percurso variado que o Dakar oferece.
 
Além desse desenvolvimento, a aerodinâmica foi revista. O capô e a entrada de ar foram completamente modificados para permitir um melhor equilíbrio do downforce entre a dianteira e a traseira, bem como melhorar o fluxo de ar. Essas alterações também deixaram o modelo com uma aparência mais agressiva. 
 
Sob a carroceria de fibra de carbono, a transformação do PEUGEOT 2008 DKR16 não parou por aí. A suspensão passou por uma total recalibragem para enfrentar terrenos inóspitos e, agora, o modelo dispõe de novas rodas de magnésio, em substituição às de alumínio, associados a pneus Michelin ainda mais robustos, leves e eficientes.
 
O 3.0 V6 biturbo diesel também ganhou potência. Sua utilização é extensa, mas vem sendo particularmente útil nos traçados sinuosos.
 
Estes desenvolvimentos foram testados pelos técnicos da Equipe PEUGEOT Total durante um programa intensivo de testes. Com uma bagagem de 17 títulos no Rally Dakar em duas e quatro rodas, Stephane Peterhansel, Carlos Sainz e Cyril Despres puderam avaliar o desenvolvimento do carro, já equipado com alguns desses componentes do PEUGEOT 2008 DKR16 nos veículos que disputaram com sucesso o Rally Silk Road da China.
 
“Não há mudança que prevaleça sobre outras. Trata-se de uma série de desenvolvimentos em diversas áreas que, somados, esperamos trazer uma melhoria global. Os pontos em que nos concentramos são estabilidade do carro e facilidade de utilização do motor. O nosso nível de preparação é muito superior do que era um ano antes do nosso primeiro Dakar. Sabemos que ainda vamos acumular muita experiência antes de estarmos realmente prontos para o Dakar em 2016”, disse o diretor da PEUGEOT Sport, Bruno Famin.

Comentários

Clique aqui para comentar
Nome: E-mail: Mensagem:
Envie sua sugestão de pauta, foto e vídeo
62 9.9850 - 6351