Pela 5ª vez o mais influente da web em Goiás. Confira nossos prêmios.

Envie sua sugestão de pauta, foto e vídeo
62 9.9850 - 6351

Em abril

Ateliê do Gesto apresenta espetáculo de dança a alunos de escolas públicas

Obra de Guimarães Rosa inspirou trabalho | 22.03.18 - 12:47 Ateliê do Gesto apresenta espetáculo de dança a alunos de escolas públicas (Foto: Layza Vasconcelos)
A Redação

Goiânia
- Nas próximas semanas, dezenas de estudantes de escolas públicas, crianças de rua, idosos e deficientes físicos irão ao teatro, gratuitamente, assistir ao espetáculo “O Crivo” do grupo goiano Ateliê do Gesto. Este projeto, “O Crivo – plateias diversas”, contemplado pela Lei Municipal de Incentivo à Cultura, leva população de baixa renda para ver, em palco, Guimarães Rosa em uma performance de dança.

Todas as apresentações serão seguidas de discussão com a plateia. Elas acontecem nos dias 3, 4, 5, 6, 16, 17, 19 e 20 de abril no Centro Cultural UFG às 9 horas. A entrada também é livre ao público geral.

O projeto conta também com o apoio da Universidade Federal de Goiás, Casa Corpo e Studio Balance.? Este espetáculo já rodou mais de 12 cidades brasileiras e passou por mais de 20 festivais nacionais e internacionais. Foi estreado em 2015 e, na ocasião, apresentado em escolas públicas.

A experiência foi tão positiva que os artistas quiseram estender a apresentação para este público mas, desta vez, o conduzindo ao teatro. “Assim, abrimos e proporcionamos outras experiências e podemos proporcionar na sua potência máxima a magia que a arte é capaz. É preciso criar outros deslocamentos e proporcionar outros modos de pensar e refletir a experiência e mais do que isso, criar espaço de diálogo e troca pois aprendemos muito quando passamos por essas experiências”, comenta João Paulo Gross, dançarino e diretor do espetáculo.  

O Crivo
O espetáculo é uma ponte entre o corpo e a literatura de Guimarães Rosa presente em três contos de “Primeiras Estórias”. A trama envolve dois homens que criam relações que só se revelam à medida em que atravessam suas estórias, o sertão, ao som fazendeiro, de galo cantando, vento batendo em meio a folhas das árvores.

“O Crivo é uma metáfora frente aos momentos ao qual estamos passando no país. É preciso levantar a poeira para que outras camadas possam ser vistas e descobertas revelando outras histórias que se desdobram frente aos nossos olhos”, comenta Gross.  Levar Guimarães Rosa para o palco, de acordo com João Paulo, é proporcionar ao público uma oportunidade de revisitar sua própria trajetória e olhar para si.

“Rosa trata de questões existentes no homem, que perpassam as emoções e fragilidades frente em contato com o íntimo de cada um”, explica. Mais do que representar a obra de Guimarães, Ateliê do Gesto propõe uma coreografia a partir de suas próprias palavras.

“Trata-se de uma busca de estímulos e imagens da sua literatura para criar danças, forças no espaço, ritmo e densidades que suscitam imagens e situações”, comenta o artista.  

Oficinas
O projeto contempla ainda uma oficina de “estudos para o corpo contemporâneo” aberta para bailarinos e estudantes de dança. A oficina utilizará o trabalho de conscientização do movimento, proporcionando aos participantes uma maior percepção de suas estruturas óssea e muscular, bem como o funcionamento das articulações a partir da percepção da coluna, cintura pélvica e cintura escapular - elemento fundamentais para a consciência do mover. Esta oficina acontecerá na escola Dança e Cia, com duração de duas horas por dia, durante cinco dias. Será oferecida gratuitamente a 20 pessoas.

Para concorrer a uma vaga é necessário enviar currículo e carta de intenção para o e-mail do grupo: ateliedogesto@gmail.com até dia 28 de março.  

Serviço: “O Crivo – Plateias Diversas” Ateliê do Gesto apresenta “O Crivo” para escolas públicas e ONGs
Entrada: grastuita, 20 ingressos disponíveis, por espetáculo, à plateia geral
Datas: 3, 4, 5, 6, 16, 17, 19 e 20 de abril
Horário: 9 horas
Local: Centro Cultural UFG

Ateliê do Gesto oferece oficinas de dança gratuitas
Datas: 2, 3, 5 e 9 de abril
Horário: 19h30 às 21h30
Local: Dança e Cia, T-52, Setor Bueno Inscrição: até 28 de março, enviar currículo e carta de intenção para ateliedogesto@gmail.com

Comentários

Clique aqui para comentar
Nome: E-mail: Mensagem:
Envie sua sugestão de pauta, foto e vídeo
62 9.9850 - 6351