Vila Nova  06.06.2012 21h04
Saída de atacante Patric do Vila Nova causa choque de versões

Jogador e diretores de clubes não se acertam

Saída de atacante Patric do Vila Nova causa choque de versões Patric demonstrou intenção de jorgar no Goiás (Foto: Randes Nunes)


Mônica Parreira

Não é de hoje que o Patric causa polêmica no Vila Nova. Desta vez, a novela do atacante com o clube envolveu seu maior rival, o Goiás. Artilheiro do Campeonato Goiano com 14 gols, cogitou-se que o jogador estaria deixando o Tigre para fechar contrato com o alviverde, mas há um impasse em seu contrato.
 
Sem meias palavras, o diretor de futebol do Goiás, Marcelo Segurado, em entrevista para a rádio 730, disse que Patric procurou o clube. Ele teria entregue uma carta ao Goiás, mostrando sua intenção de atuar pela equipe. O presidente João Bosco Luz assinou a carta demonstrando interesse, mas primeiro ele teria que ter  a liberação do Vila Nova.

"É uma situação diferenciada do próprio jogador vir, querer jogar no time, mostrar que quer jogar. Eu acho que isso faz com que a gente acredite que esse jogador no mínimo quer muito, que vai se dedicar", afirmou o diretor de futebol. 
 
Com o impasse nas mãos, Patric procurou o presidente do Vila Nova Marcos Martinez, na tarde desta quarta-feira (6/6). "Ele veio me pedir a liberação e é claro que não vou liberar. Vou lutar pelos direitos do clube até o fim", disse o presidente ao ser questionado pelo jornal A Redação.
 
Versões divergentes
A confusão está nas cáusulas do contrato do atleta com o Tigre. Do lado vermelho, o presidente defende que "ele tem um documento assinado pelo Eduardo Barbosa (ex-presidente), onde o Vila seria obrigado a liberá-lo caso ele tivesse alguma proposta. Isso não existe, esse papel não tem validade. Se ele quer mesmo sair, vai ter que ressarcir os danos".
 
Do lado esmeraldino, a versão é outra. "O atleta tem um contrato que permite que ele possa sair do seu clube, no caso o Vila Nova, para outro clube. Juridicamente é muito difícil ser revertida a situação do contrato. Só tem uma solução caso o Vila Nova queira ficar com o Patric, que é pagar a multa, não é nem aumentar o salário", disse Marcelo Segurado.
 
Marcos Martinez marcou uma reunião com o advogado do Vila Nova para resolver esta questão. "Amanhã (7/6), às 10h da manhã, vou sentar com o Dr. Rodolfo (advogado do clube) para discutir sobre o assunto", esclareceu.
 
Patric
A Redação entrou em contato com o Patric para saber sua versão sobre a história. Em poucas palavras, o atacante disse "Olha, me desculpa, mas no momento não estou falando nada, nada, nada sobre isso", e desligou.
 
No Goiás, o clima entre os atletas já é de que, em breve, o atleta vai fazer parte do elenco. "É um jogador que fez um bom campeonato goiano, vai encaixar perfeitamente no espírito da nossa equipe. Se chegar, vai ser bem recebido como foi o David e o Henrique", disse o volante Amaral.

Comente


Comentários

  • 06.06.2012 09:57 Por André Rodrigues

    Acredito que o desfecho final de toda essa confusão, foi desenhado no final da matéria, onde o próprio atleta do goiás,o volante amaral, já esta contando com o patric no elenco do verde para a sequencia do brasileiro, pensamento muito bem capitado pela reportagem do portal a redação. direção do vila vacilou no contrato firmado com o patric. mais uma vez, a direção do goiás mostrou as garras do lobo mal. .



Publicidade

Publicidade